DF: Primeiro dia de vacinação contra gripe

0
264

Jornal Província Centro Oeste.

Vacinação não defende do novo coronavírus, mas ajuda os mais vulneráveis de outras doenças.

Hoje, 23/03, os postos de vacinação do Distrito Federal registraram grande movimentação de idosos no primeiro dia de Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza. A mobilização foi antecipada para prevenir, em período de pandemia do novo coronavírus, os mais vulneráveis de outras doenças com sintomas gripais.

Desde as primeiras horas do dia, os idosos do grupo de risco (pessoas com mais de 60 anos e profissionais de saúde), formaram filas em diversos endereços da capital da República a fim de se imunizarem contra a gripe.

Mas no Riacho Fundo I a vacinação foi tranquila e bem organizada. Não teve fila.

Eu, Jornalista Carlos Ferreira, tomei a minha primeira vacina por ter completado 60 anos no dia 29/02. Tomei a minha vacina via drive-thru no Posto de Saúde do Riacho Fundo I.

Parabéns a equipe do Posto de Saúde pelo excelente atendimento.

Veja as imagens:

Carlos Ferreira.

Jornalista e Colunista.

DRT 0012376/DF.

Segue noticia da Agência Brasília do GDF.

Secretaria de Saúde divulgou orientações e calendário

Publicado em 21/03/2020 – 12:31 Por Agência Brasil – Brasília

A campanha de vacinação contra a gripe no Distrito Federal.

Com inicio segunda-feira (23) e seguirá até o dia 22 de maio. De acordo com a Secretaria de Saúde do Distrito Federal, o dia “D” de mobilização nacional será 9 de maio, um sábado.

O governo de Distrito Federal estabeleceu três fases para a estratégia de imunização contra a influenza. Pessoas com 60 anos ou mais terão todo o período da campanha para se vacinar. Na primeira semana, de 23 a 27 de março, a vacinação será exclusiva para os idosos distribuídos por ordem alfabética do primeiro nome.

– Na segunda-feira (23), devem ser vacinados os idosos cujo nome comece com as letras A, B, C, D e E.

– Na terça-feira (24), pessoas com 60 anos ou mais com nomes iniciados pelas letras F,G, H, I e J.

– Na quarta-feira (25), idosos que tenham nas letras iniciais do nome K, L, M, N e O.

– Na quinta-feira (26), pessoas com 60 ou mais com o primeiro nome iniciado em P, Q, R, S e T.

– Na sexta-feira (27), devem se vacinar os idosos com nomes que comecem com U, V, W, X, Y e Z.

Segundo nota informativa da Secretaria de Saúde, “esta orientação visa minimizar a aglomeração de idosos nas unidades básicas de saúde, entretanto, caso compareçam idosos cujo nome não está previsto para vacinar naquele dia, deverão ser vacinados.” A imunização deverá ocorrer mesmo que as pessoas não levem o cartão de vacinação.

A segunda fase da estratégia de imunização vai de 16 de abril a 22 de maio. Assim como os idosos, poderão se vacinar, nesse período, professores de escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento e pessoas com doenças crônicas não transmissíveis, além de pessoas com condições clínicas especiais.

A terceira fase, de 9 a 22 de maio, inclui crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas com deficiência, povos indígenas, adolescentes e jovens adultos de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população carcerária e funcionários do sistema prisional.

A secretaria de Saúde do DF pede ainda que pessoas com sintomas respiratórios ou febre sejam orientadas a não comparecerem para a vacinação, enquanto persistirem os sintomas. Da mesma forma, casos suspeitos ou confirmados de Covid-19 poderão ser vacinados apenas após a resolução dos sintomas (preconizado mínimo de 14 dias). Ainda segundo a secretaria, “não existem na literatura informações específicas sobre a interação de Covid-19 com a resposta as vacinas”.

Em nota, a Secretaria orienta que as unidades básicas de saúde mantenham horário estendido de atendimento, garantindo a oferta de vacinação na hora do almoço, bem como nos horários noturnos (Saúde na Hora) e aos sábados.

A nota sobre a vacinação contra influenza da Secretaria de Saúde está disponível na íntegra na internet. A secretaria também disponibilizou orientações com relação ao coronavírus.

Agencia Brasília

GDF.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here